• MANX Hyd.

Bombas de deslocamento variável e a pressão em standby

Atualizado: 24 de fev.

De uma perspectiva de eficiência (carga de calor), quanto menor for a pressão de standby, melhor. Temos que lembrar que o vazamento / dreno dentro da bomba é uma queda de pressão, e uma queda de pressão sem trabalho útil gera calor. Esta é a razão de termos uma pressão de standby baixa em primeiro lugar.


Uma das vantagens das bombas de deslocamento variável com controle de deslocamento hidráulico ou eletro-hidráulico, ou controle de detecção de carga (Load Sensing), é sua baixa pressão de espera (standby). Ou seja, quando uma carga da bomba não é necessária, a bomba "espera" a uma pressão relativamente baixa e, geralmente, a um fluxo zero (diferente do necessário para a compensação do vazamento interno).


Mas qual o mínimo de pressão que você pode ir? E a pressão de stand by em zero é a melhor? No caso de uma bomba com detecção de carga (Load Sensing), a pressão de espera abaixo de 15 bar (220 PSI) pode resultar em instabilidade de controle. Portanto, pressões de espera inferiores a essa geralmente não são recomendadas para bombas com Load Sensing.



As bombas variáveis ​​com controle de deslocamento hidráulico ou eletro-hidráulico têm a capacidade de ficar em espera com fluxo zero e pressão quase zero sem problemas de controle. Mas isso tem um perigo inerente: sem algum vazamento interno (o que requer uma certa quantidade de pressão de reserva), os esforços e fricção dentro do grupo giratório podem superaquecer o óleo na carcaça da bomba, resultando em desgaste dos contatos lubrificados e possível falha catastrófica! Em outras palavras, o baixo fluxo não faz o correto sequestro de calor, e com perda de lubricidade do óleo como uma das resultantes.

Podemos dizer que geralmente não é uma boa ideia permitir que a bomba trabalhe completamente sem carga por longos períodos. Se for necessário que isso ocorra em uma aplicação específica, o corpo da bomba deve ter um circuito de flush para mantê-lo arrefecido.

Por exemplo, a Rexroth recomenda que se as bombas da série A11VO estiverem em espera por mais de 10 minutos com fluxo zero ou a uma pressão inferior a 15 bar (220 PSI), o corpo da bomba deve ter fluxo de flush na carcaça com 2 a 6 L / min (0,5 a 1,6 gal / min) dependendo do tamanho da estrutura da bomba. Isso significa que, se a pressão de standby de 15+ bar for mantida, o fluxo de flush não será necessário. Em outras palavras, 15 bar gera vazamento interno suficiente para evitar que a temperatura do óleo na carcaça suba a um nível perigoso.


Portanto, como você já sabe, permitir que uma bomba de deslocamento variável opere abaixo de sua pressão de reserva mínima necessária pode ser um erro caro.





Source:https://www.hydraulicsupermarket.com/blog/all/variable-displacement-pump-standby-pressure-how-low-can-you-go/

83 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo